Associação de agricultores da nascente rio capibaribe

Mulheres Rendeiras

Mulheres Rio Capibaribe

Iniciou em 2010 a Associação dos Agricultores do Rio Capibaribe com uma sementeira, cuja função é reflorestar as margens dos rios e desenvolver educação ambiental, mas seguidamente as mulheres se organizaram como rendeiras. São mulheres agricultoras-rendeiras, no plantio e colheita estão na roça e à noite fazendo renda. Aprenderam com suas mães a rendar, logo na infância, ajudando na sobrevivência de suas famílias, como Marilene relembra “minha mãe ficava trabalhando e eu prestando atenção, então fui começando a trabalhar e as minhas meninas também foi assim”. Sobre a renda comenta Iracema “gosto muito de fazer renascença, para mim, eu esqueço do mundo quando estou rendando”.

Neste ensaio imagético revelo mulheres-rendeiras, veladas por grandes arabesco rendados em contra-luz-bege. Variedades de motivos, Isabel-Fernanda Gêmeas-Rendas em Branco-Rosa ou imagem-detalhe em Linha-Bege e Lacê-Preto ou florais em Bege-Cinza ou Flores-Renda sobre o verde e, uma Instalação com um Branco-Vestido, em ramagens, Aranhas, Flores-Traça, veste uma jovem e o barro. Estes são os traços que tecem as mulheres-rendeiras da nascente rio Capibaribe.

Veja outras pesquisas

Propriedade Intelectual

Todos os direitos reservados do Site Vernacular Renascença. É proibida a reprodução ou utilização, parcial ou total, das fotografias, textos, vídeos e informações deste site sem a prévia autorização de Lenice Queiroga, pesquisadora e artista multimídia.